13 de setembro de 2011

"Não tenho problema algum em dar pinta", diz ator ao falar do sucesso de Crô em "Fina Estampa"

Em apenas três semanas de novela, Marcelo Serrado já colhe os frutos de viver o homossexual Crodoaldo em Fina Estampa, na TV Globo. Em entrevista ao jornal Extra, deste sábado (10), o artista falou sobre a repercussão do personagem em tão pouco tempo.
“No dia seguinte à estreia, já via gente acenando para mim de dentro do ônibus, senhoras aplaudindo no restaurante... E os câmeras, que não paravam de rir durante as gravações? Foram meu primeiro termômetro. De cara, percebi que o personagem é mesmo muito popular!”, declarou o ator.
E emendou: “O nosso gay é leve, divertido, solar... Crô é uma bichinha reprimida. E Aguinaldo [Silva, autor da novela] quis um ator hétero para dar vida a ele. Não tenho problema com a minha masculinidade, em dar pinta. Radicalizei mesmo!”
“Tenho a preocupação de sempre baixar a bola em cena. Crô já tem uma roupa chamativa, um cabelo nada convencional, usa as expressões mais bizarras para se referir à patroa (Rainha do Nilo, Filha de Osíris, Divina Ísis, Pitonisa de Tebas, Sereia da Núbia e Nefertiti são algumas delas)... Imagina se eu ainda fizesse uma interpretação escandalosa? Viraria um carnaval! Por enquanto, só tenho recebido elogios. É ótimo andar pelo Projac e receber cumprimentos do diretor do mais alto escalão ao funcionário da limpeza. Só me faz pensar que estou indo pelo caminho certo. Meus vários amigos gays também aprovaram”, completou.

Leia matéria completa em: VÍRGULA


Reações:
Categories:

0 comentários:

Postar um comentário