17 de maio de 2011

Prefeitura de Moscou proíbe mais uma vez a Parada gay da cidade

Prefeitura de Moscou nega pela sexta vez permissão para Parada Gay na cidade
A Prefeitura de Moscou proibiu mais uma vez a Parada Gay na cidade. Esta é a sexta vez que as autoridades municipais negam permissão para que a Parada Gay ocorra.
A prefeitura se justificou em uma carta: "neste momento o Governo de Moscovo recebeu inúmeros pedidos de entidades públicas e entidades da Federação Russa, confissões religiosas, organizações públicas, cossacos e indivíduos pedindo-nos para não permitir a realização deste evento público. De acordo com muitos dos entrevistados, este evento pode resultar numa onda de protestos, que pode evoluir para um conjunto de perturbações da ordem pública. Com base nas normas da Convenção Internacional para a Proteção dos Direitos Humanos e das Liberdades Fundamentais, de 04 de novembro de 1950, e em particular no artigo 11 (liberdade de reunião e de associação), em que o direito à liberdade de reunião pacífica pode ser restringido por razões de ordem pública, a prevenção da doença, para a proteção da saúde ou da moral ou a proteção dos direitos e liberdades de outrem, o Governo de Moscou considera justificada não permitir a realização do evento".

Leia mais em: MIX BRASIL
Reações:
Categories:

0 comentários:

Postar um comentário